quarta-feira, 13 de maio de 2015

Certas e determinadas coisas, nomeadamente diversas #1 - A Aparição.

Por Factos de Treino






Pediram-me para escrever qualquer coisa até dia 09. Claro que sim! - respondi eu.
Nem duas linhas depois, já avisava que quem diz 09, diz um dos dias que se segue.

Depois, pediram-me um tema. Algo que, de alguma forma, me comprometesse e vos fidelizasse. Algo concreto. Decidi que escreveria sobre "Certas e determinadas coisas, nomeadamente diversas". E senti o primeiro aroma a arrependimento no ar...

É um erro convidar-me seja para o que for. Não só porque jamais perceberei o critério de quem o faz mas também porque sou um caso clássico de alguém que fala demais... e faz de menos. Procrastino a procrastinação. Se dependesse de mim, a própria invenção deste termo estaria em "standby"... à espera de melhores dias.

Mas hoje, volvidas as badaladas da meia-noite, percebi que já vamos a 13 de Maio e - diabos me carreguem - não existe dia melhor para uma aparição.

Tudo bem que não estou a pairar em cima de uma árvore... é certo que não vos tomo por pastorinhos... mas também não peço a ninguém que me visite uma vez por ano e que o faça pelas bermas da estrada, arriscando-se a levar com um forgão nas ventas.

Basta que apareçam por aqui de vez em quando para ver as modas e mandar uns bitaites sobre certas e determinadas coisas, nomeadamente diversas.

Venham nas calmas, só quando vos apetecer e sempre em segurança. Num ou noutro caso, talvez seja preciso por uns preservativos nos dedos antes de teclar... mas não passa disso.

Poderão perder tempo. Mas não mais que isso.
Para peregrinação, parece-me um excelente compromisso.

Até para a semana!

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Boa resposta! "dois pontos hífen fechar parêntesis"

      Eliminar
  2. É "furgão", pah. E não venhas cá com a merda da desculpa que foi de propósito ou é "liberdade estilística".
    Abreijos

    P.S.Jah foste ah tasca do Lagarto lambuzar-te com o bolo de bolacha coberto de mousse de chocolate? É bom ou não é, hã?

    ResponderEliminar